Você já deve ter ouvido falar que, com visto de turista, a permanência máxima permitida na Europa e de no máximo 90 dias. Mas sabia que é possível expandir o período de férias — de forma legal — e estender sua viagem no “velho continente” por mais um tempinho? Confira algumas dicas abaixo e aproveite sua viagem ao máximo!

Países do Tratado de Schengen

Os brasileiros podem ficar legalmente por até 90 dias nos 26 países que fazem parte do Tratado de Schengen:

  • Alemanha
  • Áustria
  • Bélgica
  • Dinamarca
  • Eslovênia
  • Eslováquia
  • Espanha
  • Estônia
  • Finlândia
  • França
  • Grécia
  • Holanda
  • Hungria
  • Itália
  • Islândia
  • Letônia
  • Lituânia
  • Liechtenstein
  • Malta
  • Noruega
  • Luxemburgo
  • Polônia
  • Portugal
  • República Tcheca
  • Suécia
  • Suíça

Esse acordo estabelece o livre acesso entre as fronteiras e também exige que o turista tenha seguro viagem internacional com valor mínimo de 30 mil euros.

Países que não fazem parte do acordo

Contudo, há outros 20 países do continente europeu que não fazem parte do Tratado de Schengen e que podem fazer parte do roteiro de viagem depois do fim desses três meses. Na Albânia, Andorra, Bósnia, Bulgária, Chipre, Croácia, Irlanda, Romênia, Rússia, Sérvia, Turquia e Ucrânia, o tempo máximo de permanência também é 90 dias. Já na Inglaterra é possível ficar como turista por até 180 dias.

mala-viagem-europa-mais-de-90-dias-tratado-de-schengen-cambio-curitiba

Você também pode estender a viagem em países próximos à Europa, mas localizados na África ou na Ásia, como Marrocos, Tunísia, Geórgia e Armênia.

Leia a matéria na íntegra na Gazeta do Povo: Ficar na Europa por mais de 90 dias com visto de turista é possível e legal

Vai viajar para a Europa e ainda não fez o câmbio de moedas? Entre em contato com a equipe da Câmbio Curitiba e peça já a sua cotação com as melhores taxas e o melhor atendimento!

Compartilhar: